Por pbagora.com.br

 O pré-candidato a governador da Paraíba nas Eleições 2014, Veneziano Vital do Rêgo (PMDB) lamentou na manhã desta quinta-feira (22), direto de Brasília, os fatos ocorridos no dia de ontem na sede da OAB, em João Pessoa, durante reunião da Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa da Paraíba.

A reunião foi convocada para debater as irregularidades apontadas em parecer do Tribunal de Contas da Paraíba – TCE-PB nas contas da gestão do governador Ricardo Coutinho (PSB).

Veneziano está em Brasília, onde participa de sucessivas reuniões com as cúpulas nacionais do PMDB e do PT, para ajustar a formalização da coligação entre os dois partidos, para as disputas eleitorais deste ano. Ele afirmou que ficou surpreso com a articulação feita pelo governo, que lotou o auditório da OAB de partidários para tumultuar a sessão e não deixar que o debate ocorresse, o que acabou acontecendo porque o presidente da CCJ foi obrigado a adiar o encontro.

“Externo a minha solidariedade ao companheiro, deputado Raniery Paulino, que, no cumprimento do exercício de seu mandato, da sua missão de parlamentar, foi impedido de comandar sessão da Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia por um grupo, sendo ameaçado, inclusive, no exercício de suas atribuições de representante do povo”, disse Veneziano.


Assessoria

Notícias relacionadas

Sem unidade, esquerda pode ficar fora do 2º turno em 2022

O presidente estadual do Partido dos Trabalhadores na Paraíba, Jackson Macedo, disse em entrevista a imprensa que os partidos do chamado campo democrático podem ficar de fora de um possível…

Disposto a ouvir, MDB quer debater pauta política com João Azevêdo

O colegiado emedebista na Paraíba aprovou, nesta segunda-feira (19), durante reunião virtual a sugestão de uma reunião com o governador João Azevêdo para tratar de assuntos políticos e administrativos. O…