Por pbagora.com.br

Vários nomes do PMDB já foram cogitados como potenciais candidatos em 2018 para o cargos de governador e senador do estado. O senador Raimundo Lira e o deputado federal Veneziano Vital do Rego são os mais lembrados, mas o deputado federal Hugo Motta também é destaque e assim a sigla vai chegar 2017 com muitas opções para fortalecer e colocar para população analisar com mais carinho pensando em 2018.

Vené revelou nesta quarta-feira (28), que já conversou com Raimundo Lira (PMDB) sobre a real pretensão do senador para as próximas eleições e destacou que é preciso trabalhar um nome se o PMDB lançar candidatura majoritária.

Segundo ele, é preciso que se tenha tempo para o fortalecimento das candidaturas e destacou que no início do ano a sigla pode anunciar um nome.

Para Vené há uma certa fragilidade da sigla, mas o PMDB não deve abrir mão de vir forte em 2018.

A respeito da relação interna com o diretório estadual do partido, e sobre o PMDB estar fora do governo do PSB no Estado, Veneziano disse que é preciso se discutir quem apoia ou não a composição com o governador Ricardo Coutinho (PSB). Para o deputado, nomes como o dele, e de outros peemedebistas como o deputado federal Hugo Motta, e do senador Raimundo Lira, precisam ser ouvidos.

“Ainda temos aqueles que acreditam em uma parceria com o Governo, com eu. Que composição foi essa que a gente fez em 2014? Só foi para ajudar a eleger o governador Ricardo? Não foi para estabelecer o projeto PMDB-PSB? Terminou sendo pior”, desabafou. As informações são do paraiba.com

 

 

Redação