Ainda não será dessa vez que o deputado federal Veneziano Vital do Rêgo (PMDB) definirá seu futuro partidário.

Depois de ter recebido convites do PSB do governador Ricardo Coutinho, do DEM de Efraim Morais e do PTB da família Santiago, agora foi a vez do PROS, do pai do deputado André Amaral, também assediar o ex cabeludo para se filiar ao partido.

Veneziano, por sua vez, agradece aos convites, mas avisa que a definição só deve ocorrer em março de 2018, prazo final para definições partidárias. Ele disse que, por enquanto, não tem definição se realmente deixará o PMDB.

“Trata-se para mim de um convite honroso em meio a esse assunto que vai ter um deslinde apenas no ano que vem. Aquilo que eu já disse é que não há razões para omitir o que está em voga nas tratativas nos contatos e nas conversas mantidas com as legendas. Mas eu mesmo ainda não tenho essa definição de saída do PMDB, então fico agradecido a lembrança que o companheiro André Amaral teve, que também foi uma lembrança externada pelos deputados Trócolli e Lindolfo, isso me gratifica, mas a decisão só será efetivamente tomada no próximo ano”, disse.



Redação

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Galdino sepulta crise no PSB e diz que foco agora é a governabilidade

O presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, Adriano Galdino (PSB) colocou uma pedra na crise que ainda assola o PSB e avisou, durante entrevista nesta quarta-feira (18), que o assunto…

MP arquiva inquérito que investigava ato do ex-governador RC

O Ministério Público da Paraíba (MPPB) homologou o pedido de arquivamento de um inquérito civil público que investigava o ex-governador, Ricardo Coutinho (PSB), por uma suposta improbidade administrativa relacionadas às…