Por pbagora.com.br

O ex-tesoureiro do Partido dos Trabalhadores (PT) João Vaccari Neto e o ex-diretor de Serviços da Petrobras Renato Duque foram condenados pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Esta é a primeira condenção de ambos e é referente a uma ação penal originada na 10ª fase da Operação Lava Jato, deflagrada em março deste ano.

A sentença assinada pelo juiz federal Sérgio Moro, responsável pelos processos da Lava Jato na primeira instância, é desta segunda-feira (21).

Duque também foi condenado por associação criminosa. A pena para o ex-diretor será de 20 anos 8 meses e para Vaccari de 15 anos e 4 meses de reclusão. Os dois estão presos no Complexo Médico-Penal, em Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba.

 

 

G1

Notícias relacionadas

“O PT tem que abrir diálogo”, diz Jackson ao destacar que o MDB deve ser procurado

O presidente do Partido dos Trabalhadores na Paraíba (PT-PB), Jackson Macedo, analisou a hipótese da sua sigla buscar o apoio de outras legendas como o MDB para um eventual apoio…

Petistas frustram apoio a nome de Couto para federal em 2022

Depois de ter abandonado uma reeleição tida como certa à Câmara Federal nas eleições de 2018 para se aventurar na disputa pelo Senado Federal, e sair derrotado, o ex-deputado federal…