A Paraíba o tempo todo  |

TSE: ministro Og Fernandes vota pela inelegibilidade de RC em AIJE da PBPrev

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Em sessão remota realizada na manhã desta sexta-feira (28), o Tribunal Superior Eleitoral deu início ao julgamento da Ação de Investigação (AIJE) remanescente das eleições de 2014, referente ao Caso PBPrev. O ministro relator Og Fernandes votou pela inelegibilidade de oito anos para o ex-governador Ricardo Coutinho (PSB).

A perda dos direitos políticos no mesmo período também deve ser estendida ao ex-gestor da Paraíba Previdência (PBPrev), Severino Ramalho Leite.

Após o voto do relator, o ministro Luis Felipe Salomão pediu vista. Ele também já havia pedido vista no julgamento realizado nesta quinta-feira (27) para apreciar as AIJES da contratação de codificados e do Caso Empreender-PB.

O julgamento foi adiado para outra data ainda não definida.

 

PB Agora

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe