A Paraíba o tempo todo  |

Marcos diz que Eliza tem “Síndrome de Estocolmo”; que rebate

A Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) foi palco de mais uma troca de farpas entre os vereadores Marcos Henriques (PT) que defende o legado do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e de Eliza Virgínia (PP) que defende o atual presidente Jair Bolsonaro (Sem partido). Para Marcos a vereadora sofre de ‘Síndrome de Estocolmo’; que rebate: ‘Precisa de oftalmologista’.

“Isso remonta à história de você gostar do algoz, em que aquele que está lhe martirizando, matando seus familiares você continua gostando dele. É a síndrome de Estocolmo”, disse Marcos Henriques, reagindo à vereadora Eliza Virgínia (PP), defensora do bolsonarismo que criticou mobilizações contra o presidente manifestações organizadas por setores da esquerda no último fim de semana.

“Se estou com Síndrome de Estocolmo, os petistas estão precisando de um oftalmologista para limpar e tirar a venda dos olhos e de um otorrino para tirar a sujeira dos ouvidos, que de tanto ouvir mentiras deve ter sido obstruído”, comentou Eliza. A vereadora disse que Bolsonaro está “recuperando o caos que foi deixado pelo PT”.

“Quem defende esse governo eu acho que precisa reavaliar suas posições, porque a defesa dele é a política que tem levado milhares de famílias ao óbito, perdendo seus entes queridos, seus amigos. Então isso daí leva e remonta a história de você gostar de um algoz, onde aquele que está lhe martirizando, tomando o seu patrimônio, vendendo, desmatando, matando seus familiares e você continuar gostando dele, isso só remonta a história da síndrome de Estocolmo e a ciência explica isso. A vereadora precisa se retratar, porque toda manifestação é justa”, concluiu Marcos Henriques.

Eliza rebateu destacando que o Brasil tem crescido no processo de imunização, atingindo o 4º lugar no mundo dos países que mais distribuíram doses da vacina, promovido abertura de leitos e promovendo melhorias no Sistema Único de Saúde (SUS). Ela ressaltou que os seus adversários políticos precisam de um oftalmologista para tirar a sujeira dos olhos e um otorrino para tirar a sujeita do ouvido.“O Brasil está no 4º lugar no ranking dos que mais vacinam no mundo, com 32% da população vacinam, atrás apenas de fabricantes com China, Estados Unidos e Índia, e o Brasil com 32 a cada 100 vacinadas com as duas doses. Os governos passados fecharam 40 mil leitos de hospitais nos últimos 10 anos, nos quais 8 anos foram de governos do PT. Não foi Bolsonaro, ao contrário, foi aberto 19 mil vagas no passado e nesse ano passou dos 20 mil. Ou seja, estamos recuperando o caos que foi deixado na saúde pelo PT”, disse.

Redação

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe