Por pbagora.com.br

As recomendações feitas pela Mesa Diretora da Assembleia Legislativa  da Paraíba (ALPB), no que diz respeito a não haver debates relacionados à campanha eleitoral no plenário da Casa, não estão sendo seguidas à risca. Nos últimos dias, a tribuna segundo alguns parlamentares se transformou em palanque eleitoral.

“Não devemos misturar as coisas da administração do nosso estado com a política. A tribuna deve servir apenas para a discussão dos debates de interesse da Casa”, opinou Branco Mendes (Podemos).

Outro a se manifestar contra o uso político eleitoral da ALPB foi o deputado estadual Renato Gadelha (PSC): “Isso não é bom, nem para a casa nem para a população”, disse concordando com Branco.

Para manter a manutenção dos trabalhos na Casa, mesmo durante o processo eleitoral o presidente Gervásio Maia (PSB) declarou que firmou um acordo com os líderes de partido para que as sessões não sejam prejudicadas.

“Nós iremos viver um ano eleitoral atípico, com apenas 45 dias. O acordo terá que ser cumprido, é claro. Eu acredito que dará certo, vai dar pra cumprir as atividades parlamentares e as de campanha”, garantiu Gervásio.

 

Redação

Veja como adquirir a certificação digital para pessoa física sem burocracia

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Aguinaldo ressalta papel fundamental da Câmara para a estabilidade democrática no país

O deputado federal Aguinaldo Ribeiro (Progressistas) participou nesta sexta-feira (22) da reunião entre o candidato à presidência da Câmara Federal Baleia Rossi (MDB), os representantes da bancada paraibana e o…

Prefeito de cidade paraibana relata ameaças de morte

O prefeito de Boa Vista, André Gomes, relatou, que está sendo alvo de uma série de difamações, denúncias caluniosas e até mesmo ameaça de morte, através das redes sociais Facebook…