A Paraíba o tempo todo  |

TRE julga, nesta 2ª, pedidos de impugnação da candidatura de Cássio

A semana começa com o futuro político do senador Cássio Cunha Lima, candidato ao governo do Estado pelo PSDB, em jogo. É que o pedido de registro da candidatura de Cássio Cunha Lima ao governo do Estado será analisado na sessão desta segunda-feira (03/08) pelo Tribunal Regional Eleitoral.

A elegibilidade de Cássio é questionada por alguns advogados, com base na Lei da Ficha Limpa, enquanto outros juristas, a exemplo de Harrison Targino, garantem que ele já cumpriu a pena e está apto a disputar o pleito deste ano.

Citando alguns artigos da Lei, Harrison destacou que existem pontos que, se avaliados pela justiça eleitoral, tornam o candidato a governador Cássio Cunha Lima inelegível.

Ele colocou que existe uma multa que não foi paga, junto com o processo de inelegibilidade seguida da cassação, realizada em 2007.

A data foi acertada na semana passada pelo relator do processo, juiz Rudival Gama, com os advogados das partes envolvidas no caso. Cássio teve a candidatura impugnada pela coligação do governador Ricardo Coutinho e pelo Ministério Público Eleitoral.

 

As teses defendidas no processo são relacionadas com a Lei da Ficha Limpa. Para o MPE, Cássio está inelegível em função das duas condenações que sofreu nos casos dos cheques da FAC e do uso do Jornal A União na campanha de 2006. A coligação de Ricardo Coutinho também apresenta os mesmos argumentos para pedir o indeferimento do registro da candidatura do tucano.

 

A briga jurídica pode se considerada o primeiro turno da guerra jurídica já esperada nesta eleição. Existem dois pedidos de impugnações, sendo um da coligação do governador Ricardo Coutinho (PSB) e o segundo do Ministério Público Eleitoral. Todos os pedidos de impugnações são baseados na Lei da Ficha Limpa.

O TRE tem até o dia 05 de agosto para julgar todos os pedidos de impugnações de registros de candidaturas.

O julgamento desta segunda-feira, está sendo aguardado com muita expectativa, pois além de poder mudar o cenário político estadual, ainda poderá se refletir na campanha nacional do tucano Aécio Neves.

PBAgora

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe