A Primeira Câmara Cível do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB) começou a julgar a decisão, de quem é a vaga aberta na Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) com a renúncia do ex-vereador Eduardo Carneiro (PRTB) para assumir o mandato de deputado na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB). 

A disputa já dura mais de quatro meses e aguarda uma posição do Poder Judiciário para deliberar quem deve assumir o mandato parlamentar na Casa de Napoleão Laureano.

O julgamento que estava previsto para última terça-feira, mas foi adiado porque a desembargadora Maria de Fátima Bezerra Cavalcanti, uma das integrantes do órgão colegiado do TJPB, averbou-se suspeita em deliberar sobre o processo e será substituída pelo desembargador Marcos Cavalcanti de Albuquerque, que completará o quórum para votação, junto com os outros dois desembargadores que integram a Primeira Câmara: José Ricardo Porto e Leandro dos Santos, que é o relator, no julgamento adiado para hoje.

Redação

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Análise: PSB-PB terá comissão provisória nacional para “remediar” conflito interno

“A diferença entre o remédio e o veneno é a dose”. Assim concluiu, certa vez, Paracels, médico e físico do século XVI. E a afirmação percorreu séculos de forma incólume,…

Liderança em Cabedelo troca de sigla mas ratifica sintonia com Vitor Hugo

Não haverá alteração, mínima que seja, na relação política da presidente da Câmara de Vereadores de Cabedelo, Graça Rezende, com o prefeito Vítor Hugo, por conta da filiação do ex-prefeito…