Por pbagora.com.br

O Tribunal de Contas do Estado multou o atual prefeito do município de Patos, Nabor Wanderley da Nóbrega Filho, em R$ 2.805,10 por contratações irregulares nos exercícios entre 2005 e 2009. A decisão foi tomada pela 2ª Câmara Deliberativa do TCE, presidida pelo conselheiro Arnóbio Alves Viana, durante a sessão desta terça-feira (10/08).

O relator do processo, conselheiro Fernando Rodrigues Catão, considerou irregulares as contratações feitas durante a gestão de Nabor sob o argumento de “excepcional interesse público”. Além de multar o gestor, o relator concedeu prazo de 60 dias para que as irregularidades sejam sanadas. Catão teve o voto seguido pelos demais integrantes da 2ªCâmara.

A sessão teve ainda outros 21 processos apreciados, entre contratos, aposentadorias e licitações nas modalidades Pregão e Carta Convite, além de inspeções de obras públicas realizadas pela Auditoria em vários municípios paraibanos.

 

Ascom TCEPB

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Covid-19 causa morte de Dráuzio Macêdo, sindicalista e assessor da CMJP

Morreu na noite de ontem, 02, o ex-sindicalista Dráuzio Rodrigues de Macêdo, de 53 anos, mais uma vitima da Covid-19. Ele trabalhava atualmente na Câmara Municipal de João Pessoa onde…

Wilson Filho lança revista detalhando sua atuação parlamentar na ALPB durante o primeiro biênio

O deputado estadual Wilson Filho (PTB) lançou nesta semana, nas plataformas digitais, revista que detalha a sua atuação na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) durante o primeiro biênio. <<<Confira aqui…