O Tribunal de Contas da Paraíba (TCE-PB), multou nessa quinta-feira (21), o ex-prefeito de Sousa André Gadelha (PMDB) e determinou um prazo de 60 dias, para que o mesmo reponha recursos aos cofres públicos.

O TCE entendeu através do Segunda Câmara da Corte, que o ex-prefeito deveria ser multado, no valor de R$ 2 mil, por inconsistência no Pregão Presencial nº 034/2014 com prazo de 60 dias para que efetue o recolhimento voluntário à conta do Fundo de Fiscalização Orçamentária e Financeira Municipal, cabendo a intervenção da Procuradoria Geral do Estado (PGE).

Ainda conforme o TCE-PB, em caso de não recolhimento voluntário, bem como do Ministério Público Estadual, na hipótese de omissão da PGE, que seja punido nos termos do art. 71, § 4º, da Constituição Estadual; e recomenda o ex-gestor no sentido de se não cumprir será impedido de participar da realização de futuras licitações.

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

“Eu não acredito no impeachment partindo do Congresso”, diz paraibano

Por meio das suas redes sociais o deputado federal paraibano Frei Anastácio (PT), disse: “Eu não acredito no impeachment de Bolsonaro partindo de iniciativa do Congresso Nacional, apesar da Câmara…

João explica como funcionará sistema de bandeiras com parâmetros na PB

Em live realizada na noite deste domingo (31), o governador João Azevêdo (Cidadania) anunciou a intenção do Governo do Estado em fazer a retomada gradual da economia, mas de forma…