A Paraíba o tempo todo  |

Supremo decide arquivar mais um inquérito contra o deputado Vené

 O Ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, decidiu arquivar o inquérito nº. 4.149 “instaurado para investigar supostas irregularidades no âmbito do Município de Campina Grande/PB, quando da execução das obrigações formalizadas no Convênio nº 051/2004, celebrado por aquele Município com o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome.”

A decisão seguiu parecer da Procuradora – Geral da República, em exercício, Ela Wiecko V. de Castilho, que entendeu não existirem “indícios concretos” da participação de Veneziano Vital do Rêgo nos fatos investigados.

O advogado Luciano Pires, que defende o parlamentar, afirmou que “o inquérito perdurou por mais de cinco anos e nada de irregular ou ilegal foi observado na conduta de Veneziano. Esse é mais um procedimento extinto pelo STF, e em todos é possível extrair uma mesma constatação, Veneziano foi submetido a uma longa e ampla investigação tão somente por ser prefeito ao tempo dos fatos apurados. O arquivamento dos procedimentos reafirma a inviabilidade de alguém ser submetido a inquérito ou denunciado em ação penal com base na responsabilidade objetiva. Suposições são insuficientes, é imprescindível a comprovação de evidências mínimas de participação nos eventos averiguados.”

A decisão foi disponibilizada no Diário da Justiça da União desta terça-feira.

 

PB Agora

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe