O presidente do PSDB paraibano, deputado federal Pedro Cunha Lima que também é filho do ex-senador Cássio Cunha Lima (PSDB), parece não ter o mesmo poder de persuasão do pai e deixou o partido em Campina Grande, base eleitoral da família, praticamente vazio.

Na Câmara Municipal da cidade o partido tinha o vereador licenciado Nelson Gomes Filho e os suplentes Ivan Batista e Marcos Raia, que deixaram o ninho tucano.

De acordo com Pedro, as reuniões partidárias que fossem necessárias estavam sendo feitas de forma virtual, através de tele ou videoconferência, por meio dos recursos tecnológicos disponíveis a cada filiado. O deputado destacou ainda, conforme resolução do PSDB nacional, que também ficam suspensos todos os atos de filiações nos municípios. “Temos que evitar a realização de encontros com aglomerações de filiados em locais fechados”, revelou Pedro que também tinha o nome lembrado como pré-candidato a prefeito nestas eleições na Rainha da Borborema.

Os tucanos de Campina perderam os referidos nomes acima, para o PSD presidido estadualmente pelo prefeito Romero Rodrigues. Até o início da noite do último sábado, tinham se filiado ao PSD os vereadores Aldo Cabral (ex-PSC), Janduy Ferreira (ex-Avante), Alexandre do Sindicato (Ex-PHS), Sargento Neto (Ex-PRTB) , Teles Albuquerque (ex-PSC), Nelson Gomes Filho (Ex-PSDB) e os suplentes Ivan Batista e Marcos Raia, amos deixaram o PSDB. Eles se somam aos vereadores eleitos pelo PSD João Dantas, Ivonete Ludgério e Pimentel.

Os vereadores Márcio Melo e Rodrigo Ramos se filiaram a partidos, mas faziam mistério, a exemplo de Olímpio Oliveira que deixou o MDB. Depois , este anunciou a filiação ao PSL.

Outras filiações

O vereador Bruno Faustino trocou o PSB pelo PTB, enquanto Rui da Ceasa deixou o PSDC e ingressou no PROS. Já Renan Maracajá saiu do PSDC e se filiou ao Republicano (Ex-PRB). Saulo Germano desfilou-se do PSDC e entrou no PSC. O vereador Luciano Breno se filiou ao Progressista.

O ex-vereador e sindicalista Napoleão Maracajá se filiou ao PT, enquanto o ex-deputado Robson Dutra ingressou no Podemos. O professor e sindicalista Nelson Júnior trocou o PSOL pelo PCdoB. Já o radialista Milton Figueiredo Júnior ingressou no MDB.

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

ALPB aprova mais de mil matérias em dois meses de trabalho remoto

Oferecer respostas rápidas e soluções para o enfrentamento do novo coronavírus na Paraíba, além de buscar estratégias de apoio a empresas e geração de empregos. Esse tem sido o maior…

Avante intensifica diálogo com prefeitáveis de João Pessoa

Visando o alinhamento político nas eleições em João Pessoa, o partido Avante, um dos que mais crescem na Paraíba, intensificou o diálogo com prefeitáveis rumo ao pleito eleitoral deste ano.…