Por pbagora.com.br

O professor Francisco de Sales Gaudêncio deverá ser oficializado como novo “imortal” da Academia Paraibana de Letras – APL – na próxima sexta-feira, 20 de agosto. Sales Gaudêncio foi eleito em março deste ano para ocupar a Cadeira n° 18, cujo patrono é Irineu Joffily, vaga com o falecimento de Luiz Hugo Guimarães. A posse está prevista para acontecer às 18h15 no Cine Bangüê do Espaço Cultural José Lins do Rego, em João Pessoa. O novo “imortal” será saudado pelo Acadêmico Hildeberto Barbosa Filho.

Sales Gaudêncio chega à academia com grande receptividade e disse estar feliz e honrado por ter a oportunidade de fazer parte de um centro dinâmico da cultura paraibana, integrando a academia ao lado de grandes figuras. A eleição ocorreu no dia 11 de março e contou com 32 votantes, dos quais 28 o escolheram para compor os quadros da APL.

“Sales foi desde sempre um homem de iniciativa, uma máquina de ideias, vórtice empreendedor, sempre com uma proposta nova na cabeça e um projeto na mão. Mas, todos mobilizados em torno de instituições públicas, de aparelhos governamentais voltados para cultura e educação, para o bem público”. Assim o definiu seu orientador, José Jobson de Andrade Arruda, professor titular da Universidade Estadual de Campinas, São Paulo.

Professor do Departamento de História do Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes da Universidade Federal da Paraíba, Sales Gaudêncio tem dedicado sua vida à educação. Atualmente, ocupa o cargo de Secretário de Estado da Educação e Cultura da Paraíba, desenvolvendo um notório e exaustivo trabalho pela recuperação e melhoria dos índices de desenvolvimento da educação no Estado.

Esta é a segunda vez que ele assume o cargo de Secretário da Educação do Estado, tempo emprestado seu talento e sua dedicação também a outros órgãos ligados à cultura paraibana, como é o caso da Fundação Espaço Cultural, onde já foi presidente. Ao longo de vários anos dedicados à educação e às artes, Sales Gaudêncio coroa sua trajetória e sua contribuição intelectual ao Estado com a posse na Academia Paraibana de Letras.

Francisco de Sales Gaudêncio é natural de São João do Rio do Peixe, sertão da Paraíba. Tem graduação em Direito pela Universidade Federal da Paraíba – Licenciatura Plena em História pela Fundação de Ensino Superior de Cajazeiras e Doutorado em História Econômica pela Universidade de São Paulo.

Atualmente é professor colaborador da Universidade Federal de Pernambuco e adjunto da Universidade Federal da Paraíba. Tem experiência na área de História Econômica com ênfase em História da Formação Econômica do Brasil, atuando principalmente nos seguintes temas: história regional, nova história cultural, biografia social e preservação patrimonial, além de legislação de proteção ao patrimônio cultural e ambiental.

Redação (com assessoria)

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Prefeito reeleito no Sertão está internado com Covid-19

O prefeito reeleito do município de São José de Espinharas, Netto Gomes, do Progressistas, foi internado essa semana após ser diagnosticado com a Covid-19. O gestor está no Hospital Regional…

Em nota, Podemos desmente mudança no comando da sigla na PB

O Podemos – 19 emitiu nota nesta terça-feira (24) para reafirmar o compromisso com os paraibanos e destacar o crescimento que a legenda obteve nas eleições municipais deste ano. Ao…