Por pbagora.com.br

O deputado federal Ruy Carneiro (PSDB) manifestou total apoio à decisão do juiz Antônio Carneiro de Paiva, da 4ª Vara da Fazenda Pública de João Pessoa, que determinou ao governo do Estado adotar providências imediatas para a reabertura das delegacias fechadas à noite e nos fins de semana.

O parlamentou também lamentou a postura do governador Ricardo Coutinho que, ao invés de cumprir a determinação judicial no sentido de garantir mais
segurança para a população, ironizou a decisão, sugerindo a reabertura dos fóruns nos finais de semana.

“Além de demonstrar pouco entendimento em relação ao funcionamento da Justiça, que mantém seus plantões nos fins de semana, o governador da Paraíba demonstra, com suas declarações, insensibilidade total diante do grave problema da segurança pública e revela que não deseja atender aos reclames da população”, afirmou o deputado tucano.

Falta de governo – O fechamento de delegacias no período da noite e nos fins de semana, para o deputado Ruy Carneiro, ou representa falta de governo e incapacidade de gestão do Estado ou um ato insano, pois deixa a população à mercê da própria sorte.

“Em todos os Estados onde existe verdadeira preocupação com a segurança da sociedade os investimentos no setor estão aumentando. Na Paraíba ocorre
exatamente ao contrário. E não dá para aceitar uma delegacia fechada. É como se chegar ao Rio de Janeiro e encontrar uma UPP fechada aos domingos”,
protestou.

Números da violência – Para o deputado Ruy Carneiro, os números da Paraíba desautorizam qualquer decisão de fechamento de delegacia ou de economia de recursos na área de segurança.

O parlamentou tomou os números de Crimes Violentos Contra o Patrimônio (CVP) nos quatro primeiros meses deste ano em João Pessoa e Campina Grande,
não divulgados pela Secretaria de Segurança, para provar que o governo do Estado está agindo de forma temerária ao fechar delegacias.

De acordo com os dados obtidos pelo deputado Ruy Carneiro, em João Pessoa, houve um crescimento de 76% nos casos de roubos a pessoas e 119% de roubos de moto entre janeiro e abril. Já em Campina Grande, houve um crescimento de 133% nos índices de roubos em transporte coletivo, 33% de roubos a
residências, 6% nos roubos de moto e 13% nos casos de roubos a pessoas.

“Esses são números assustadores, sem falar na grande quantidade de homicídios, e que demonstram claramente que a Paraíba anda meio desgovernada no setor de segurança pública”, reforçou deputado tucano.

 

 

Ascom

Notícias relacionadas

Condenações de Lula anuladas: “Decisões jurídicas devem ser respeitadas”, diz tucano da PB

Opositores e aliados de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) repercutiram o recente julgamento no STF (Supremo Tribunal Federal) que confirmou, por 8 votos a 3, a anulação de todas…

João Azevêdo avalia como positiva candidatura de Huck à presidência em 2022

O governador João Azevêdo comentou na tarde desta segunda-feira (19) durante entrevista à Rádio Arapuan FM, o aceno que o presidente do Cidadania, fez à candidatura do comunicador Luciano Huck…