Por pbagora.com.br

O candidato a prefeito de João Pessoa, Ruy Carneiro, ressaltou, durante debate em emissora de TV nesta quarta-feira (11), o plano de ação para os seis primeiros meses de sua gestão na prefeitura, elegendo as prioridades para a retomada econômica da cidade no pós-pandemia.

Ruy ressaltou a importância de analisar propostas e alertou sobre candidatos sem experiência e envolvidos na Operação Calvário, como Ricardo Coutinho. Ele lembrou ainda que o candidato Cícero Lucena foi indicado pelo governador João Azevedo, também citado em delação na Polícia Federal na Calvário. “João Pessoa tem a oportunidade de fazer diferente. Não vamos permitir que envolvidos na Operação Calvário tenham influência na prefeitura de João Pessoa. Isso seria muito triste”, disse.

Durante o debate, ele questionou o candidato Nilvan Ferreira sobre o período em que foi secretário em Bayeux, em gestão do então prefeito Jota Júnior, encerrada com 76% de rejeição da população daquela cidade. “Jota Júnior era um grande amigo, mas a história não pode ser esquecida. Um radialista e comunicador sem experiência, que deixou a cidade no caos com a ajuda de Nilvan, que foi secretário. João Pessoa não merece passar por isso. Não vamos deixar essa história se repetir”, acrescentou.

Para Ruy, é preciso ter um calendário de ações efetivas para João Pessoa, a partir de janeiro, oferecer cinco mil vagas em creche em parceria com estabelecimentos particulares; realizar mutirão de saúde para acabar com as filas de consultas e exames e um mutirão de emprego para a retomada econômica. “Vamos colocar a cidade no ritmo certo. E para isso, já elaboramos um plano de ações administrativas que vão transformar João Pessoa. Analise a nossa história, conheça nosso trabalho e vamos fazer a cidade avançar”, finalizou.

 

Redação com Assessoria

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

TJPB condena deputado Buba Germano a 9 anos de reclusão

Na sessão desta quarta-feira (2), o Pleno do Tribunal de Justiça da Paraíba decidiu condenar o deputado estadual e ex-prefeito de Picuí, Rubens Germano Costa, mais conhecido por Buba Germano,…

Volta às aulas: Adufpb critica MEC e cobra testagem e segurança sanitária

A portaria do MEC, determinando o retorno das aulas presenciais nas entidades de ensino superior, gerou reação na comunidade acadêmica.  O presidente do Sindicato dos Professores da UFPB (Adufpb), Fernando…