O vice-governador Rômulo Gouveia firmou um convênio da Paraíba com o estado de Goiás para que a PBPreve use o software previdenciário desenvolvido em Goiás. A parceria foi selada em cerimônia no Palácio Pedro Ludovico Teixeira, em Goiânia, nesta quarta-feira (23). Rondônia também aderiu ao mesmo convênio.

O sistema, denominado Gprev, será usado pelo Governo da Paraíba para gerenciar dados e operações da PBPrev. O governo goiano cedeu gratuitamente o uso do sistema.

O software tem por finalidade executar cadastros e controlar suas informações, além de conter dados funcionais e financeiros dos segurados da previdência estadual. O sistema contém, ainda, um módulo de integração de dados com outros regimes de previdência associado ao Siprev, do Ministério da Previdência Social, explicou Rômulo Gouveia.

O Gprev é o único software do gênero desenvolvido e operacionalizado por um órgão público no país. Para se ter uma idéia da economia que a Paraíba está tendo, o Estado de Goiás teria que desembolsar entre 18 a 20 milhões de reais, se o encomendasse o mesmo produto a uma empresa privada de criação e desenvolvimento de sistemas.

“É uma honra e uma alegria esta colaboração”, disse o governador de Goiás.

 

 

Assessoria

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Clima tenso: Ludgério insinua insatisfação com ingresso de Bruno Cunha Lima no PSD

Presidente municipal do PSD em Campina e vice-presidente estadual da sigla o deputado estadual Manoel Ludgério (PSD) que também se coloca como pré-candidato a prefeito da cidade, parece que levou…

Efraim Filho atua como bombeiro na relação entre Mandetta e Bolsonaro

O deputado federal Efraim Filho (DEM) revelou que tem conversado com o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, também do Democratas, e  declarado apoio total, irrestrito e absoluto às decisões…