Por pbagora.com.br

Após ter anunciado apoio ao presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) em desfavor da candidatura do seu próprio partido, Geraldo Alckmin (PSDB), o prefeito de Campina Grande Romero Rodrigues, passaram a circular nos bastidores da política paraibana uma provável indicação da esposa de Romero, Micheline Rodrigues a um cargo na gestão do futuro presidente.

Quanto a isso, Romero negou nesta segunda-feira (12), que já tenha participado de alguma conversa nesse sentido.

"Não tratei de tema de indicação de quem quer que seja para o novo governo, nem fui consultado, nem procurado" disse.

PB Agora

 


Certificado digital mais barato para advogados e contadores. Clique e saiba como adquirir

 

Notícias relacionadas

João Azevêdo diz que relação com Ministério da Saúde não é uma deferência ao Governo

O governador da Paraíba, João Azevêdo (Cidadania), rechaçou qualquer tese de proximidade política com o governo Bolsonaro após o secretário de Estado de Saúde, Geraldo Medeiros, ressaltar a importância do…

Câmara aprova substitutivo de Efraim Filho para salvar micro e pequenas empresas

O Congresso Nacional aprovou o substitutivo do deputado Efraim Filho (DEM/PB) ao PLN 2/21, do Poder Executivo, que permitirá mudanças na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) em vigor. “A expectativa…