Por pbagora.com.br
Foto: Codecom / PMCG

Em entrevista ontem (30), por meio das redes sociais ao canal “Sem Filtro”, no YouTube o prefeito de Campina Grande Romero Rodrigues, admitiu pela primeira vez a possibilidade do cancelamento do São João 2020, previsto para ocorrer em outubro deste ano, devido à pandemia do novo coronavírus.

“A experiência me leva a crer que atingimos um platô e estamos reduzindo os números. Estou dizendo com base no que estou lidando. Mas, se for o caso, chegarei e falarei à população que a festa não vai acontecer porque vamos privilegiar a vida e não a festa”, disse Romero.

O prefeito comentou ainda que “no momento, estamos equilibrando e bem na área de saúde; falo isso pelo número de leitos. O nosso número de desemprego, também podemos afirmar que estamos melhor. Temos que aprender a conviver com o vírus. É muito difícil o que estamos enfrentando. No início do ano, começamos a montar a estrutura da festa, montagem e preparação, que vinha sendo feita de maneira antecipada. Estávamos nos encaminhando para que essa edição fosse ser a maior festa da história”, afirmou Romero.

 

Redação

Notícias relacionadas

Opinião: Santiago se livra de constrangimento de ficar no PTB e vira ‘noiva cobiçada’ de partidos

O presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, atirou no que viu, e acabou acertando no que não viu. E, por tentar se adequar a cada governo que passa, agora caminha…

Santiago diz que PTB se transformou em “filial de grupos extremistas”

O deputado federal Wilson Santiago detonou o presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, após a sua destituição do comando do partido na Paraíba. De acordo com o parlamentar, o alinhamento…