O presidente da Câmara dos Deputados e chefe do Executivo nacional interino Rodrigo Maia (DEM-RJ) recebeu em seu gabinete, no Anexo IV da Casa, um envelope com um conteúdo indesejado: fezes. O caso teria ocorrido no início desta semana.

De acordo com o G1, a Coordenação de Polícia Judiciária do Departamento de Polícia Legislativa investiga o caso logo após confirmar que uma funcionária do gabinete parlamentar de Maia abriu a correspondência. Outros deputados teriam recebido o mesmo tipo de conteúdo.

Os investigadores apuram de qual agência dos Correios o envelope foi despachado e se é possível identificar o suspeito. Eles buscam imagens de câmeras de segurança para localizar o remetente.

A Polícia Legislativa deve realizar uma apuração preliminar. Na sequência, poderá lavrar um termo circunstanciado, pois o incidente é tratado como uma brincadeira de mau gosto e deverá ser enquadrado como contravenção, por causa do baixo grau de poder ofensivo. Por fim, o termo será enviado à Justiça.

 

Metrópole

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Governador confirma planejamento para retomada da economia e ‘novo normal’

O Governo da Paraíba iniciou os estudos para implantar o ‘novo normal’ no Estado para a retomada econômica no pós-pandemia. A informação foi revelada pelo governador João Azevêdo (Cidadania), em…

Filho de Dinaldo Wanderley revela que corpo do seu pai vai ser cremado

Por meio das redes sociais o filho do ex-prefeito e ex-deputado estadual Dinaldo Wanderley, Dinaldinho Wanderley disse que o corpo de seu pai, será cremado em João Pessoa, em cerimônia…