O senador Roberto Cavalcanti (PRB-PB) defendeu nesta quinta-feira (11), em entrevista a Rádio Correio, mudanças no Orçamento da União dentro do pacote de medidas previstas na reforma política. Segundo ele, as emendas apresentadas no Congresso – que hoje são acolhidas a título de sugestão – devem passar a ser efetivamente incorporadas no Orçamento.

“O Orçamento deve ser impositivo. Na hora em que um parlamentar determinar que cabe a destinação de recursos para uma determinada obra, esta determinação deve ser uma coisa preto no branco – que hoje não é e isto esta errado”, declarou o senador, reiterando que a reforma política deve contemplar esta mudança.

Para o parlamentar, do modo como é construído, o Orçamento se transformou em uma “peça de ficção”.

“Atualmente todos nós somos iludidos – parlamentares, prefeitos, gestores e apenas parte daquela ilusão se materializa. Vivemos no mundo da fantasia que é o orçamento brasileiro, onde pouca coisa acontece”, acrescentou.

Ele relatou que o Congresso já vive a expectativa da abertura do prazo para apresentação das emendas e revelou que priorizará obras que não possam, adiante, sofrer qualquer tipo de restrição.

Cavalcanti antecipou que deve destinar parte de suas emendas individuais para a Marinha do Brasil, tendo como objetivo a construção de uma Capitania dos Portos na Paraíba. “É uma obra necessária e há muito aguardada no Estado”, acredita.

Ano passado, as emendas de Cavalcanti priorizaram construções de equipamentos esportivos e educacionais em várias cidades do interior. Ele também articulou para que, pela primeira vez em muitos anos, os representantes paraibanos no Senado Federal subscrevessem em conjunto todas as emendas de bancada.

Assessoria

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Lula pede que STF compartilhe as conversas da Vaza Jato

A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) apresentou nesta terça-feira (13) um habeas corpus para que o ministro do STF Alexandre de Moraes divulgue as conversas em…

De malas prontas para o PT, Sandra Marrocos estimula rompimento no PSB

Citada como uma das vozes que estaria pregando a desunião no jardim girassol, a vereadora Sandra Marrocos, atualmente filiada ao PSB paraibano, não tem economizado declarações para apimentar ainda mais…