O governador eleito da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), prometeu hoje cortar as despesas de seu próprio gabinete ao chegar ao Palácio da Redenção, o que acontece a partir de 1º de janeiro. Na entrevista, concedida ao jornalista Arimatéa Sousa, da Rede Paraíba Sat, o socialista disse ainda que sua gestão vai buscar o equilíbrio financeiro "custe o que custar":

– Uma coisa eu digo: o equilíbrio financeiro é algo que vamos buscar custe o que custar. Ele é fundamental para o Estado da Paraiba e sem ele não se melhora a qualidade da educação, não se vencem os desafios da saúde nem se tem a capacidade de sustentar uma estrutura como a do Hospital de Trauma. Isso é uma necessidade não do governador, mas do Estado e do povo da Paraiba. Vamos buscar cortar gastos e vai começar pelo meu gabinete. Queremos ainda qualificar melhor nossas despesas, comprar mais pelo menor preço e extinguir toda e qualquer ilegalidade que o Estado tenha cometido nos últimos anos.

Parlamentopb

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Delegado Waldir recua e diz que irá ”pacificar” a bancada do PSL

Horas depois do vazamento de um áudio em que o líder do PSL na Câmara, Delegado Waldir (GO), ameaça “implodir” o presidente Jair Bolsonaro com a divulgação de informações comprometedoras,…

Julian ironiza facada de Bolsonaro e diz que partido virou máquina milionária

Um áudio vazado de uma reunião entre membros do PSL de Aracaju (SE) com a presença do vice-presidente nacional e presidente da sigla na PB o deputado federal Julian Lemos…