A Paraíba o tempo todo  |

Ricardo: pacto pela juventude

O candidato ao Governo do Estado pela coligação Uma Nova Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), foi o único candidato ao governo da Paraíba a assinar o Pacto pela Juventude, documento elaborado por 67 entidades da sociedade civil que compõem o Conselho Nacional de Juventude (Conjuve).

Ricardo Coutinho mostra que tem compromisso de verdade com os jovens e que suas propostas para a juventude não são discursos vazios, mas sim, projetos que irão ser executados na sua gestão.

Enquanto isso, o candidato a vice-governador pela coligação adversária, que é suplente do Conjuve, sequer assinou o pacto e nem levou o documento para o candidato ao governo peemedebista.

“O Pacto pela Juventude é muito mais que uma ação de campanha, é um compromisso apresentado pelas organizações e assumido pelos candidatos com a luta por trabalho decente, educação de qualidade, políticas de saúde específicas, pelo combate ao preconceito e discriminação, por acessibilidade; enfim, pela implantação de políticas públicas que reconheçam e respeitem a juventude brasileira na sua diversidade”, diz o documento, que pode ser acessado pelo endereço www.pactopelajuventude.wordpress.com.

Propostas – Ricardo já tinha assumido no Plano de Governo ações sugeridas pelo pacto, entre elas estão a expansão da universidade pública e do ensino profissional. Ricardo já se comprometeu a implantar novos campus da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) em Teixeira e Picuí e a manter a autonomia da instituição.

Ricardo vai implantar Escolas Técnicas Estaduais nas macrorregiões do Estado, que oferecerão cursos que explorem as potencialidades econômicas de cada região.

O socialista tem como prioridade uma das prioridades do seu governo, combater à mortalidade juvenil através da redução dos índices de homicídios com a contratação dos concursados das polícias militar, civil e realização de novos concursos e implantação da Polícia Cidadã, que terá contato permanente com as comunidades que se tornarão parceiras e ajudarão na prevenção dos crimes. “A juventude não pode continuar a morrer na flor da idade. O crack tomou conta da vida dessas pessoas e elas merecem ter ajuda e acompanhamento para sair deste vício”, declarou Ricardo.

Pacto pela Juventude – O Brasil tem hoje uma população de 50 milhões de jovens e o Pacto pela Juventude, documento criado por entidades ligadas a essa parcela da população, estabelece as principais propostas de desenvolvimento da juventude brasileira. Dentre essas propostas está a aprovação do Plano Nacional de Juventude, que estabelece diretrizes e metas para serem alcançadas pelo Brasil até 2022.
 

Assessoria

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe