Por pbagora.com.br

O deputado estadual Antônio Mineral (foto), do PSDB, ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa, na manhã desta quarta-feira (10), para ressaltar o desempenho das Polícias Civil e Militar, em entrepostos do Cariri com o Vale do Sabugy, no interior da Paraíba, nos últimos dias.

Segundo ele, o principal palco das defensivas empreendidas pelo esquema estadual de segurança pública, com prontas intervenções – principalmente – da Polícia Militar -, é a cidade de Junco do Seridó, pertencente à região polarizada por Santa Luzia, onde processos de investigação e captura de criminosos têm-se intensificado, ultimamente. E ele fez questão de atribuir essas ocorrências, sobretudo, a recente Audiência Pública que se realizou, no dia 08 de maio último, lá mesmo em Junco, na presença de autoridades policiais, judiciárias, religiosas e políticas, além de profissionais liberais e de representantes de segmentos civis, organizados.

Para reforçar o argumento, Antônio Mineral relatou o ato de prisão recentemente efetuado na cidade de Junco do Seridó, quando a Polícia efetuou a prisão, em um restaurante local, de quatro elementos fortemente armados, portanto verdadeiro arsenal e farto volume de munições, mediante clara perspectiva de que eles iriam fazer arrastão criminoso por cidades da região. Nesse particular, ele salientou a efetiva participação do comandante da Companhia Especial de Segurança, com sede em Santa Luzia, Tenente Anselmo; e do chefe do Destacamento Militar de Junco, sargento Degmar Araújo.

Planejamento estratégico

Para o deputado sertanejo, o que também tem concorrido, para tanto, de tempos para cá, são métodos aplicados por todo um planejamento estratégico de orientação do próprio governador Ricardo Coutinho (PSB), com efetiva participação dos Comandos da Força de Segurança Pública, no sentido de banir, gradativamente, a onda de criminalidade que infelicita e atormenta a sociedade paraibana, como consequência de fenômenos sócio-políticos, e culturais, que se verificam em plano nacional.



Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Nilvan diz que respeita pesquisas, mas acredita no resultado das urnas

O candidato à Prefeitura de João Pessoa, Nilvan Ferreira, do MDB, comentou sobre os números das pesquisas eleitorais para o 2º turno em João Pessoa, incluindo a mais recente, do…

Opinião: como Bolsonaro, Nilvan perde discurso e não tem o “Bolsa Covid” beneficiando-o nas pesquisas eleitorais

O “Triste fim de Policarpo Quaresma”, que foi ao público em (1915), é considerada a obra-prima do escritor Lima Barreto. Em linhas gerais, o romance traça o destino tragicômico de…