O governador Ricardo Coutinho revelou durante entrevista ao uma emissora de rádio paraibana, mais um motivo que o teria feito desistir da disputa pelo Senado: o filho mais novo, Henri.

De acordo com o gestor estadual, caso ele fosse eleito e tivesse oito anos de mandato em Brasília, o caçula teria dezesseis ao final deste tempo, com isso o governador disse ponderou e achou melhor não disputar.

"Se eu tivesse mais oito anos de mandato, ele teria dezesseis, já seria um adolescente e eu preferi fazer isso. Eu tenho que ser pai, muitas vezes pai e mãe, proteger quem depende de mim familiarmente. Às vezes a gente tem que proteger sem falar nada. Tento não expô-lo e eu agradeço a Deus pelo que ele me deu”, disse.

Ricardo ainda declarou que tenta poupar Henri de grandes exposições devido a pouca idade do mesmo.

"Eu levo ele em algumas inaugurações, de um parque, por exemplo, porque é para ele e todas as crianças, mas em campanha eleitoral não porque é um ambiente árido, eu não exponho meu filho. Não posso levar e colocar como garoto-propaganda, não faço e jamais faria. Meu amor é amor, não é instrumento”, concluiu.  

PB Agora

 


Saiba mais sobre Certificação Digital no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas Certificação Digital. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Vené parabeniza João pela liderança da PB no Ranking de Competitividade do NE

O Senador Veneziano Vital do Rêgo (PSB-PB) cumprimentou o governador João Azevêdo (PSB) por mais uma conquista da Paraíba, com repercussão nacional. Desta vez a Paraíba conquistou o 11º lugar…

Veneziano representa o Senado em evento de Turismo realizado em João Pessoa

O Senador Veneziano Vital do Rêgo (PSB) esteve nessa sexta-feira (18), ao lado do governador da Paraíba, João Azevêdo (PSB), participando da abertura da 9ª edição do JPA Travel Market,…