Por pbagora.com.br

Ricardo Coutinho propõe a construção de 30 mil casas populares no Estado

No Plano de Governo da coligação Uma Nova Paraíba – PSB,PSDB, PPS, DEM, PRP, PTN, PTC, PV e PDT –, o candidato ao Governo do Estado Ricardo Coutinho (PSB), elegeu como uma de suas prioridades a habitação popular, com uma política voltada para a população socialmente vulnerável.

A meta estipulada por Ricardo é de construir 30 mil casas em todo o Estado. O número pode parecer alto, mas completamente possível quando se leva em consideração que enquanto foi prefeito da Capital, em apenas quatro anos da criação da Secretaria de Habitação Social, foram construídas 5 mil casas no município de João Pessoa.

“Se conseguimos construir 5 mil casas em uma única cidade, temos convicção que conseguiremos construir 30 mil no Estado. Para nós, a habitação é uma prioridade. E é assim que tratamos prioridade, com ações concretas e não com palavras vazias”, afirmou.

Mais completo da Era Lula – Entre as casas construídas por Ricardo, estão incluídas as casas do Conjunto Habitacional Gervásio Maia, entregue à população com todos os equipamentos necessários para uma qualidade de vida, como saneamento básico, escola de ensino fundamental, Unidade de Saúde da Família, Centro de Referência de Educação Infantil (Crei) e uma praça.

O que fez ser considerado pela Caixa Econômica Federal o conjunto habitacional mais completo do país, financiado pelo governo Lula, tornando-se referência nacional nos projetos de moradia popular.

Habitabilidade – Além da demolição de todas as casas de taipa de antigas comunidades, com a construção de novos conjuntos habitacionais, como fez com a ‘Terra do Nunca’ e com a Paulo Afonso, Ricardo também transformou casas de taipa em casas de alvenaria em vários bairros de João Pessoa.

A ação respeita os laços de vizinhança e acesso aos serviços de saúde, educação, lazer e itens de infraestrutura básica como saneamento, pavementação e energia, que produziu uma revolução nos indicadores sociais e na vida de mais de 20 mil pessoas.

“Habitação só é possível como habitabilidade. Além de construir casas precisamos garantir escola, posto de saúde, além de dotar o local com infraestrutura de saneamento básico, pavimentação e drenagem”, afirmou Ricardo Coutinho.

 

Ascom

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

“Esse é o momento em que se deve ter espírito público” diz Aguinaldo sobre priorização da reforma Tributária

O deputado federal e relator da reforma Tributária, Aguinaldo Ribeiro (Progressistas), defendeu, durante entrevista à CNN na noite dessa quinta-feira (26), um direcionamento por parte do governo federal para que…

Análise – Gilvan Freire: Cássio traiu Cícero várias vezes e, junto com Aécio, tomou dele o PSDB

Numa entrevista reveladora, concedida ao programa Bastidores – ancorado na TV Master pelo jornalista Padre Albeni -, o ex-presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, Gilvan Freire, contou como Cássio Cunha…