Por pbagora.com.br

A reedição da aliança PSD/PMDB firmada nas eleições de 2016 para prefeitura de João Pessoa está cada dia mais distante. É que nesta quinta-feira (31), em entrevista, o governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), colocou mais lenha na fogueira e pode pôr em xeque a união das oposições no Estado. 

 

Segundo Coutinho, o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD), que tem como vice o ex-deputado Manoel Júnior (PMDB), enganou o PMDB com promessas falsas. Ele explicou que o partido de José Maranhão (PMDB) não foi contemplado com os espaços prometidos, ficando aquém de seu tamanho.

“Eu acho que o PMDB foi enganado pelo prefeito da Capital, e bastante enganado. Se prometeu tudo e quando chegou lá não cumpriu. Eu prefiro não prometer nada e cumprir aquilo que por ventura tenha sido acertado, eu sou desse jeito. Tem gente que não é assim, paciência”, disse.

Coutinho lembrou que, no Governo do Estado, os espaços ocupados pelo PMDB na gestão eram bem mais relevantes que os espaços disponibilizados no âmbito municipal, pela gestão Cartaxo, todavia, ressaltou, que nesse momento não irá discutir cargos, mas sim propostas de desenvolvimento para a Paraíba.

“É claro que os espaços que o governo dispôs no governo municipal são bem menos significativos do que aqueles que ele tinha no governo do estado. Mas não estamos discutindo cargos, aliás, não estamos discutindo absolutamente nada disso, não seria proveitoso isso. O importante é olhar para a Paraíba e olhar para frente e buscar resgatar a melhor das políticas, diminuir esse rancor, esse ódio, essa busca permanente de eliminação, essa política de apostar no quanto pior melhor, é isso que esse povo que me faz oposição faz aqui na Paraíba”, ressaltou.

A entrevista do governador Ricardo Coutinho foi veiculada no programa Rádio Verdade, da Arapuan FM.



PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

AL discute investimentos da LOA 2021 na Saúde durante Audiência Pública

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) voltou a debater, nesta quinta-feira (3), a Proposta de Lei Orçamentária Anual (LOA) para o ano de 2021 em Audiência Pública temática sobre a…

Paraíba tem quatro prefeitos que podem não tomar posse; no país são 96 no total

Apesar das eleições municipais terem chegado ao fim, na Paraíba ainda pode haver uma reviravolta e quatro municípios estão na corda bamba quanto a posse, ou não, dos gestores que…