Numa entrevista neste domingo (26), ao site ao Uol, o ex-presidente Lula (PT) disse que o ‘companheiro’ e ex-governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), pode sair da Operação Calvário ainda mais forte. O petista também citou as condições de apoiar o partido do ex-governador da Paraíba.

“O companheiro Ricardo Coutinho pode sair mais forte se for mentira o que estão fazendo contra ele. Eu não perdi um ponto porque fui preso. Lá de dentro, falei o que eu tinha que falar e continuo falando: o Moro não foi juiz, ele foi um mentiroso no meu caso”, analisou o ex-presidente.

Ainda de acordo com o PT, as investigações da Calvário podem ou não ‘manchar’ a imagem de Coutinho. Sem citar diretamente a Operação que o socialista é apontado como chefe de uma organização criminosa, ele relembra a Operação Lava Jato, a qual foi alvo.

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Sérgio da Sac toma posse e assume cargo de vereador na CMJP

Em primeira cerimônia de posse remota da Câmara, Sérgio da SAC ocupa a vaga deixada pelo vereador licenciado João Almeida, ambos do Solidariedade A Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP)…

Santiago cobra aprovação do PL que garante auxílio emergencial até 31/12

O deputado federal Wilson Santiago (PTB) apresentou Projeto de Lei, na Câmara dos Deputados, que prorroga o pagamento do auxílio emergencial de R$ 600 até 31 de dezembro deste ano.…