O secretário Institucional de Comunicação do Governo da Paraíba, Luís Tôrres, anunciou, na tarde desta quarta-feira (20), que o governador Ricardo Coutinho (PSB) irá, ainda hoje, a Pernambuco, conversar com os desembargadores do Tribunal Regional Federal, da 5ª Região, para tentar reverter a decisão que determinou a retomada do racionamento, em Campina Grande. 

Coutinho está em São Paulo e desembarca na capital Pernambucana nesta tarde.

Para o secretário, racionamento é uma anomalia que deve ser combatida e não comemorada.

Ontem, por decisão da Justiça Federal, ficou decidido que as populações de Campina Grande e mais 19 cidades do Compartimento da Borborema, abastecidas pelo açude Epitácio Pessoa em Boqueirão, vão voltar a conviver com o racionamento.

A decisão é do juiz federal Vinícius Costa Vidor. Também ontem, terça-feira (19), o reservatório – que abastece Campina Grande e mais 18 cidades – atingiu 8,55% do volume total.

 



Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Com presença da polícia vereadores de Conde instalam CPI do Lixo

Na manhã desta segunda-feira (17), a Câmara Municipal de Conde, no Litoral Sul paraibano realizou sessão extraordinária para votar a instalação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar supostas…

Em nota, Sindicato dos Jornalistas reage à tentativa de CPI contra Imprensa

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado da Paraíba reagiu, através de nota, à tentativa do deputado estadual Wallber Virgolino de instaurar uma CPI contra a Imprensa na ALPB. Segundo…