Nesta segunda-feira (17), o governador Ricardo Coutinho (PSB), falou sobre as eleições presidenciais e rechaçou o discurso de violência do candidato Jair Bolsonaro (PSL).

De acordo com Coutinho os brasileiros também não apoiam o discurso, que ele tachou como “extremista”.

“Vamos ganhar as eleições. O Brasil não vota em extremismo. Tem um percentual que não quer ouvir nada porque tem a crença de que vai chegar um líder messiânico e vai fazer tudo num toque de mágica. O que o Brasil quer saber é como tirar o país da crise. O Brasil não vai cair nesse precipício, esse discurso do estímulo à violência é perigoso. Nós queremos ajudar a tirar a sociedade dessa enrascada que a meteram”, disse.

Ricardo ainda destacou o candidato Fernando Haddad (PT), declarando que ele é um grande nome.

“Acho Haddad um grande nome, o melhor ministro da Educação que o país já teve, que implantou mais institutos de tecnologia na história do Brasil, que duplicou o número de campus universitários em sete anos e tem capacidade de tirar o país dessa crise ética e moral”, concluiu.

PB Agora

Certificado digital mais barato para advogados e contadores. Clique e saiba como adquirir

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Meta é trabalhar: João diz que ainda não pensou em um possível segundo mandato: “Não é minha meta agora”

Ainda é muito cedo para que o governador da Paraíba, João Azevêdo (PSB) possa pensar em uma possível reeleição. Marinheiro de primeira viagem, o gestor exerce o seu primeiro mandato…

Jackson Macêdo é reeleito presidente estadual do PT da PB

A etapa estadual do 7º Congresso Nacional do PT – Lula Livre, definiu novas diretrizes as lutas políticas do Partido dos Trabalhadores na Paraíba (PT/PB). O encontro aconteceu neste sábado…