Governador fala de relacionamento após críticas de aliado e avisa: “Não faço a política do tapinha nas costas”

 

O governador Ricardo Coutinho (PSB) comentou sobre seu relacionamento com o deputado Luiz Couto (PT) após declarações do parlamentar contra o secretário da Cidadania e Administração Penitenciária Walber Virgolino da Silva Ferreira. 

 

Ricardo disse que nada mudou e que há respeito mútuo entre ele e Couto, além de destacar sua forma de fazer política onde algumas de suas decisões não são agradáveis para alguns e que não faz a política do engana.

“Para mim está tudo normal. Tenho maior respeito por Luiz e a reciproca é verdadeira. Temos respeito mútuo. Luiz sabe o que é melhor para a Paraíba. Ele sabe a minha história, sabe da minha coragem de fazer coisas que não agradam a todos, mas sim a maioria. Não faço a política do tapinha nas costas para enganar. Eu prefiro fazer as mudanças mesmo que as posturas que tomo não sejam agradáveis para alguns, mas para a maioria. Faço pelo melhor para a Paraíba”.

 

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Cícero Lucena revela que cogitou disputar Prefeitura de João Pessoa

Longe da política, o ex-senador da Paraíba, Cícero Lucena (PP), revelou em entrevista que cogitou a possibilidade de retornar à vida pública, após deixar o PSDB e filiar-se ao Partido…

Bolsonaro deve demitir Mandetta ainda nesta segunda-feira, diz O Globo

A demissão do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, foi confirmada ao jornal O Globo por auxiliares do presidente da República, Jair Bolsonaro. O texto foi publicado pelo jornal na…