Por pbagora.com.br

O governador Ricardo Coutinho (PSB) comentou nesta sexta-feira (21) em uma solenidade no Palácio da Redenção em João Pessoa, sobre o ‘assunto do momento’ que é a probabilidade de racha entre ele e o senador Cássio Cunha Lima (PSDB). Ricardo também deu sua opinião em relação a ineligibilidade do atual aliado.

 

"Eu não tenho nada a dizer. A aliança que fiz com ele em 2010 ou se ela acontecesse em 2014 independia de Cássio ser elegível ou não. Para mim, não há absolutamente nenhuma diferença entre uma coisa e outra. Eu estou tratando de um projeto político e por se tratar disso converso com os parceiros. Estas questões não estou discutindo no momento".

 

Indagado sobre o espaço que o PSDB teria na chapa majoritária, já que a postulação para o Senado já seria do atual vice-governador Rômulo Gouveia (PSD), Ricardo disse que não fala de abastrações.

 

"Eu só falo sobre coisas que os outros queiram. Não vou estar falando de abastração. Eu quero saber de fatos concretos. Quero saber quem vai comigo e quem quer fazer a Paraíba continue andando para frente".

 

Vanessa de Melo

PB Agora

 

 

Notícias relacionadas

Em 20 dias de mandato, Léo Gadelha já apresentou 16 proposituras na Câmara

O deputado federal Leonardo Gadelha, do PSC, tomou posse no mandato na Câmara em 31 de março  e em apenas 20 dias de mandato já protocolou 16 propostas legislativas. A…

Condenações de Lula anuladas: “Decisões jurídicas devem ser respeitadas”, diz tucano da PB

Opositores e aliados de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) repercutiram o recente julgamento no STF (Supremo Tribunal Federal) que confirmou, por 8 votos a 3, a anulação de todas…