Por pbagora.com.br

O governador da Paraíba Ricardo Coutinho (PSB) demonstrou em entrevista seu descontentamento em relação à Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que pôs fim a reeleição e da votação 'casada' na Assembleia Legislativa da Paraíba. Para Ricardo, a articulação em prol da PEC excluiu justamente quem comanda o projeto.

Ricardo disse não ter ficado satisfeito, poré, garantiu que não irá interferir no desenrolar do episódio na Casa. "Não gostei daquilo e tenho razão e os deputados sabem disso, se houve erros na condução, atropelamento do regimento, quem vai dizer isso é o presidente da Assembleia Legislativa, a procuradoria… não estou acompanhando, a minha função é manter a unidade do grupo", disse. 

Para Ricardo, o foco precisa continuar sendo o projeto que vem trazendo estabilidade ao estado e esse será seu objetivo. "Ninguém conte comigo para atropelar quem quer que seja, fiquei governador e não fui para o mandato no Senado, preferi ficar para o mandato ter continuidade e lutarei agora e depois para que o projeto continue vivo", finalizou.

 

PB Agora

 

 


Certificado digital mais barato para advogados e contadores. Clique e saiba como adquirir

 

Notícias relacionadas

Veneziano elogia trabalho de João: “Estado não está nas mãos de uma pessoa aventureira”

O senador paraibano Veneziano Vital do Rêgo (PMDB), em entrevista à emissora de rádio de João Pessoa nesta terça-feira (13), demonstrou sua admiração pela gestão feita na Paraíba pelo governador…

Opinião: Cícero deixa a cidade em meio à zorra na vacinação e à guerra do lixo

Ao completar cem dias de gestão, o prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena, fez as malas e se mandou da Capital. Nada de mais, não fossem as circunstâncias delicadas do…