Por pbagora.com.br

Após o Supremo Tribunal Federal (STF) mudar o entendimento sobre a execução da prisão após condenação em segunda instância, a defesa de Luiz Inácio Lula da Silva informou que, depois de encontro com o ex-presidente, vai entrar, nesta sexta-feira (8/11), com o pedido de soltura do petista. Quem comentou essa possibilidade foi, o ex-governador e atual presidente da Fundação João Mangabeira Ricardo Coutinho (PSB).

“Lula Livre, antes tarde do que nunca. Agora, é unir forças, retomar a ofensiva das forças progressivas com unidade e respeito mútuos, derrotar a agenda entreguistas de Bolsonaro e sepultar o sentimento neo-facista que invadiu o Brasil”, disse RC. Veja mais: https://www.instagram.com/p/B4moNFzAuEB/

Mesmo com autorização para deixar a prisão, Lula não pode concorrer a cargos públicos por ter sido condenado por duas instâncias, em razão da Lei da Ficha Limpa. No entanto, o ex-presidente não será impedido de viajar pelo país nem de participar de atos políticos, segundo o que é previsto no Código de Processo Penal (CPP).

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Polícia recupera três carros roubados durante as ações em JP

A Polícia Militar recuperou três carros roubados, nessa segunda-feira (30), em poucos minutos após os crimes, em João Pessoa. As ações aconteceram nos bairros de Mangabeira, Ernani Sátiro e Gramame.…

Sala 10 Comunicação se consolida como referência no segmento de Marketing Político na PB

As eleições municipais desse ano na Paraíba fizeram não apenas políticos vitoriosos, mas também equipes que se empenharam e se dedicaram com trabalho, tecnologia e muita criatividade nos bastidores em…