Por pbagora.com.br

O governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), falou sobre o anúncio feito pelo deputado Gervásio Maia, da anulação da votação da PEC que suspendia a eleição casada e reeleição da Mesa Diretora da ALPB.

Questionado sobre o assunto pela primeira vez desde a decisão da Procuradoria da Casa de Epitácio Pessoa, o governador declarou que mesmo com a polêmica que girou em torno do caso, a bancada de situação não sai prejudicada.

Ele ressaltou ainda que a resolução foi bem fundamentada judicialmente e que tem certeza que tanto os parlamentares da base quanto o governador eleito, João Azevêdo (PSB), seguirão dentro da lógica da paz e da convergência.

"Essa é uma decisão interna eu não sou deputado, mas pelo que soube está bem fundamentada juridicamente. Não há nenhum problema, a bancada está reunida, em relação a isso, não altera nada porque a eleição vai se dar e a maioria vai se estabelecer dentro de um projeto. Acho isso democrático. E o governador João e os deputados haverão de convergirem cada vez mais" destacou direto da Espanha, onde firmou convênio com a Universidade de Salamanca, a quarta mais antiga instituição de ensino superior da Europa, para desenvolvimento de parcerias entre o governo da Paraíba e a universidade espanhola.

PB Agora

 


Certificado digital mais barato para advogados e contadores. Clique e saiba como adquirir

 

Notícias relacionadas

VÍDEO: ”A Prefeitura de João Pessoa vive um apagão administrativo. Cadê o prefeito?”, diz Ruy

Após a secretaria de saúde de João Pessoa afirmar que suspendeu a vacinação contra a COVID-19 na capital por falta das doses do imunizante e as constantes cenas de aglomeração…

Em 100 dias de governo, gestão Bruno em CG conquista aprovação de 74,4%

Levantamento também aponta 84% de avaliação positiva à maneira do prefeito governar e 87% de boas expectativas da cidade para os próximos quatro anos de administração municipal Pesquisa de opinião…