A não participação da vereadora Raíssa Lacerda na reunião da bancada governista ontem (20) com o prefeito Luciano Cartaxo deu mais força às especulações de que ela estaria de malas prontas para ingressar na oposição. Atualmente filiada ao PSD, em João Pessoa, mesmo partido do prefeito Luciano Cartaxo, a vereadora Raíssa Lacerda não esconde a insatisfação com seu grupo político. Críticas à gestão da Capital e até ao tratamento que vem recebendo do grupo aliado são recorrentes.

A não participação na reunião da bancada governista ontem, fortaleceu a tese de que a vereadora iria assinar o requerimento de instalação da CPI da Lagoa, com vistas a investigar desvio de R$ 6,4 milhões na obra, de acordo com a PF.

Encontro com RC – O distanciamento é notório, sobretudo por conta das recentes movimentações políticas. Primeiro foi o convite para se filiar ao PMDB, do senador José Maranhão, inclusive com forte possibilidade de concretização, e agora um encontro da parlamentar com o governador Ricardo Coutinho (PSB), na Granja Santana, para tratar o cenário político na Paraíba.

Segundo o blog do jornalista Anderson Soares, Raíssa esteve acompanhada do pai, José Lacerda Neto e do deputado Hervázio Bezerra (PSB), articulador do encontro. Conforme a própria parlamentar, a pauta foi a pré-candidatura dela a deputada estadual e obras e ações para o Sertão.

Redação

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

2020: deputado aliado de João defende a unificação da oposição em CG

Pré candidato a prefeito de Campina Grande, o deputado estadual Inácio Falcão (PCdoB), defendeu, nesse fim de semana, a unificação da oposição para enfrentar o candidato a ser apresentado pelo…

Vereadora acusa colega de desconhecer regimento da CMJP

Ao se unir a entidades LGBT e feministas a vereadora pessoense Sandra Marrocos (PSB), acusou a colega de parlamento vereadora Eliza Virgínia (PP), de desconhecer o regimento da casa ao…