Por pbagora.com.br

A queda de braço protagonizada pela Executiva Nacional do PT e o diretório da legenda em João Pessoa continua.

O imbróglio ocorre desde que a nacional decidiu intervir na homologação da candidatura de Anísio Maia (PT) à PMJP, tentando impugná-la para que a sigla possa seguir com o apoio ao ex-governador Ricardo Coutinho (PSB).

Após sofrer uma derrota na Justiça, que decidiu pela manutenção e validação da candidatura de Anísio, agora a direção Nacional do PT quer realizar uma intervenção no Diretório Municipal do Partido em João Pessoa, que segue firme no apoio ao petista.

Além de pedir a intervenção, o partido solicita a constituição de  Comissão Interventora que assumirá a instância municipal de João Pessoa, ficando investida de todos os poderes de deliberação, aplicando no que couber, a competência de Comissão Provisória, de acordo com o previsto no artigo 247 do Estatuto.

A nacional aponta  “indisciplina” do Diretório Municipal por ainda sustentarem a candidatura do deputado estadual Anisa Maia.

EM TEMPO

Logo após ser comunicada do pedido de intervenção, a presidente da sigla em João Pessoa, Giucélia Figueiredo declarou que o PT pessoense irá até às últimas instâncias para continuar com o nome de Anísio posto.

“Nossa questão é da legalidade e legitimidade.  O tempo de televisão está garantido, nosso candidato estará participando do guia eleitoral, dialogando com a cidade de João Pessoa. Nossa convicção é da legalidade e legitimidade da nossa candidatura e estamos ganhando em todas as esferas da Justiça. Queremos ganhar também não só na Justiça, temos a legalidade do nosso lado, mas queremos ganhar também o debate político. É um candidatura construída por todas as forças politicas”, declarou.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

PB Agora/Datavox: gestão João Azevêdo é aprovada por 70,8% em Monteiro

A administração do governador João Azevêdo (Cidadania) à frente do comando estadual é aprovada por 70,8% dos monteirenses entrevistados pelo Instituto Datavox, na pesquisa divulgada neste domingo (17), pelo portal…

Candidato do Patriotas em CG acusa Wallber de ter embolsado quase meio milhão do partido

O candidato à Prefeitura de Campina Grande, Edmar Oliveira, pelo Patriotas, acusou o presidente estadual do partido, Wallber Virgolino, de se apropriar dos recursos destinados à campanha eleitoral nos municípios.…