Por pbagora.com.br

 Durante diversas entrevistas, o presidente do Estadual do Partido dos Trabalhadores da Paraíba, Charliton Machado, destacou que um dos objetivos do PT e filiar mais mulheres e jovens. Neste último final de semana, um evento, realizado em João Pessoa, reuniu jovens militantes, assim como interessados em fazer parte do partido, na etapa municipal do “Congresso JPT”.

 

 

Segundo Priscila Kelly, secretária Estadual da Juventude do PT/PB, o objetivo foi fortalecer a mobilização e organização dos jovens do partido que residem, tanto em João Pessoa, como em outras cidades do estado. “Aqui na Paraíba a mobilização aconteceu em mais de vinte cidades, com a participação de mais de 400 jovens que buscam uma sociedade mais justa e igualitária. Também debatemos a conjuntura política atual e ressaltamos a importância das políticas públicas de inclusão social criadas e implantadas pelo Partido dos Trabalhadores”, explicou.

 

 

“Muitos jovens estão tendo a oportunidade de fazer um curso superior por causa das políticas públicas como o Fies, ProUni, sem contar ainda com as cotas. Por causa do Bolsa Família, muitos não precisaram trabalhar para ajudar na renda da casa, e permaneceram na escola. O resultado disso são filhos de pedreiros e empregadas domésticas com o diploma de um Curso Superior. Esse é o legado do PT”, ressaltou.

 

 

Nos Congressos da juventude petista, uma das pautas principais foi o combate ao extermínio da Juventude Negra, a defesa da democracia e a participação social da juventude. Os mesmos temas serão abordados no Congresso Estadual, que acontecerá no mês de outubro, e em novembro durante o 3° Congresso Nacional da JPT, realizado em Brasília.

 

Ascom

Notícias relacionadas

Covid-19: Paraíba registra 1079 novos casos e 18 óbitos neste domingo

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) registrou, neste domingo (16), 1.079 casos de Covid-19. Entre os confirmados hoje, 54 (5%) são casos de pacientes hospitalizados e 1.023 (95%) são…

Frente formada por PSB, PV, PCdoB, PT e PSOL não faz oposição a João Azevêdo

A frente formada pelos partidos PSB, PV, PCdoB, PT e PSOL, que se uniram contra o facismo e a favor da população para as eleições de 2022 não tem o…