Por pbagora.com.br

Após eleição de novo diretório, PT fecha o cerco e estabelece prazo para forçar filiados a deixarem Governo RC

Com um novo diretório e agora com novos membros no comando, o Partido dos Trabalhadores decidiu fechar o cerco contra os filiados que não seguirem a orientação do partido e exigir a entrega dos cargos ocupados por correligionários no Governo Ricardo Coutinho (PSB), na Paraíba.

Segundo o deputado estadual Anísio Maia, o partido vai estabelecer um prazo para que os petistas que ocupam cargos na gestão estadual renunciem ao posto.

De acordo com o parlamentar, a direção do PT irá se reunir ainda este mês para definir a data limite para a entrega dos cargos e adiantou a punição para quem se opor à determinação. “Vai ser afastado do partido, pode anotar”, declarou.

Ele ainda afirmou que até o final deste ano, este assunto terá um desfecho. “Não vai ter enrolada, a saída é esta”, disse ao acrescentar que os petistas que não se enquadrarem ao novo momento da legenda também ficarão sem legenda para disputar as eleições de 2014. “É uma consequência natural”.

 

 

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

O Antagonista repercute trapalhada de Virgolino em debate

O site O Antagonista repercutiu a trapalhada do deputado Wallber Virgolino durante  durante debate na TV Arapuan na noite dessa quinta-feira (17), em que ele ao falar sobre corrupção acabou…

Após ser anunciada como vice de RC, Paula Frassinete renuncia

Apenas um dias após ser registrada como companheira de chapa do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) na corrida eleitoral pela Prefeitura Municipal de João Pessoa, a ex-vereadora Paula Frassinete renunciou do…