Por pbagora.com.br

Com 22 votos a 12 -, o diretório municipal do Partido dos Trabalhadores em Campina Grande deliberou, neste domingo, em reunião virtual, não lançar candidatura própria a prefeito de Campina Grande nas eleições deste ano.

Os petistas analisam a possibilidade de coligação com o Partido Comunista do Brasil logo no primeiro turno, para apoiar o nome do deputado estadual Inácio Falcão ( como candidato a prefeito.

Nos bastidores especula-se que o PT deverá reivindicar a vaga de vice-prefeito na chapa.

A decisão do diretório campinense ainda será submetida ao crivo da direção nacional, para homologação, devido ao fato de a cidade contar com mais de 200 mil eleitores.

Em recente entrevista a Rádio Caturité FM, o deputado estadual e prefeitável Inácio Falcão (PCdoB) reiterou,,que o bom senso recomenda apenas uma candidatura a prefeito de Campina Grande no âmbito das oposições, apesar de não colocar essa tese como algo radical.

“Não existe prosperidade em meio à divisão”, observou

SL
PB Agora

Notícias relacionadas

Opinião: Na Paraíba, donos de partidos não permitem o surgimento de novas lideranças

Os partidos no Brasil se transformaram em patrimônios de alguns, de famílias e de velhas raposas políticas. Na Paraíba, nem se fala… Aqui, quase todas as legendas pertencem a alguém. …

Opinião: Cuidado! Não há político pior do que o bolsonarista “arrependido”

O próximo ano será de eleições. Eleições extremamente importantes, porque o eleitor vai decidir se quer continuar com esta situação vexatória que o Brasil vive, ou se quer mudança. E…