Por pbagora.com.br

Com 22 votos a 12 -, o diretório municipal do Partido dos Trabalhadores em Campina Grande deliberou, neste domingo, em reunião virtual, não lançar candidatura própria a prefeito de Campina Grande nas eleições deste ano.

Os petistas analisam a possibilidade de coligação com o Partido Comunista do Brasil logo no primeiro turno, para apoiar o nome do deputado estadual Inácio Falcão ( como candidato a prefeito.

Nos bastidores especula-se que o PT deverá reivindicar a vaga de vice-prefeito na chapa.

A decisão do diretório campinense ainda será submetida ao crivo da direção nacional, para homologação, devido ao fato de a cidade contar com mais de 200 mil eleitores.

Em recente entrevista a Rádio Caturité FM, o deputado estadual e prefeitável Inácio Falcão (PCdoB) reiterou,,que o bom senso recomenda apenas uma candidatura a prefeito de Campina Grande no âmbito das oposições, apesar de não colocar essa tese como algo radical.

“Não existe prosperidade em meio à divisão”, observou

SL
PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

“Fizemos uma avaliação do quadro” revela Ruy sobre conversa com Zé

O deputado federal e pré-candidato a prefeito de João Pessoa, Ruy Carneiro (PSDB), revelou, nesta sexta-feira (7), uma conversa informal com o senador José Maranhão (MDB), onde, apesar da informalidade, os…

Análise – Estariam Cícero Lucena e RC inelegíveis para 2020? Espalham que sim. Mas…

Partidários de Luciano Cartaxo (PV) e de Nilvan Ferreira (MDB) espalham por aí que, tanto Cícero Lucena (PP) como Ricardo Coutinho (PSB) estariam inelegíveis para as eleições municipais deste ano.…