A Paraíba o tempo todo  |

PT-PB nega polêmica e vê possibilidade de ampliar bancada na Câmara

A mais de um ano ainda para o processo eleitoral de 2022, o PT-PB já teve que lidar com um impasse na sigla. No entanto, antes que fosse tarde demais, o problema parece já ter sido superado. Nesta terça-feira (18), o presidente da sigla na Paraíba, Jackson Macedo, confirmou a disputa por duas vagas no parlamento nacional. com as candidaturas de Frei Anastácio e Luiz Couto.

Acontece que o deputado federal Frei Anastácio garantiu que irá buscar a reeleição no próximo ano. Garantia dada também pelo deputado estadual Anísio Maia, que além de buscar vaga na Assembleia, declarou que irá trabalhar pela reeleição de Frei Ansatácio.

O posicionamento de ambos vinha deixando o ex-deputado federal Luiz Couto sem espaço dentro do partido para participar do próximo pleito, problema que parece já ter sido resolvido pela legenda.

O líder do PT no estado disse abençoar os nomes do Frei e de Couto para a disputa no próximo ano. “São candidaturas extremamente importantes para o partido na eleições do próximo ano. Estamos conversando com as lideranças regionais, pois não temos só os dois [Couto e Frei], temos também outros companheiros que se colocam. Então essas candidaturas são importantes para que possamos atingir o coeficiente eleitoral”, argumentou Jackson.

Para o petista o principal objetivo é manter o mandato do partido no parlamento federal, além de buscar aumentar sua representação na Assembleia. “O PT da Paraíba vê com muita alegria as candidaturas de Frei Anastácio e de Luiz Couto, pois são duas grandes lideranças”, concluiu.

Anísio Maia

O deputado estadual Anísio Maia chegou a declarar anteriormente que mesmo havendo a possibilidade de Luiz Couto candidatar-se a deputado federal, ele e a base petista na Paraíba iria trabalhar pela reeleição de Frei Anastácio. “Ele pode até ser candidato, é um direito seu, mas vamos trabalhar para reeleger Frei Anastácio”, avisou.

 

PB Agora

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe