Por pbagora.com.br

 O Diretório Estadual do PSOL ratificou neste sábado, 31, durante reunião em João Pessoa, os nomes de Tárcio Teixeira como pré-candidato ao Governo do Estado e de Nélson Junior para a disputa ao senado. Em sua decisão, os dirigentes do PSOL consideraram que os dois nomes expressam o projeto político do partido para os embates das eleições 2014.

Ao comentar sobre a reunião, o presidente estadual do PSOL, Fabiano Galdino, destacou que o entendimento dos diretorianos foi de que Tárcio e Nélson são os nomes que devem expressar o projeto político do partido para as eleições majoritárias deste ano.

Quanto à escolha do vice e da suplência do senado, Galdino revelou que “nos próximos dias, o PSOL intensificará as conversas a respeito dos nomes para compor o vice de Tarcio Teixeira e a suplência de Nelson Junior. As conversas com o PSTU e PCB ainda estão abertas, dependendo apenas do interesse dessas siglas em discutir a questão”, afirmou.

Alguns nomes foram aprovados pelo PSOL como pré-candidatos a deputado federal, a exemplo de Renan Palmeira, Calaço dos Correios e José Silva. Entre os militantes indicados pelo PSOL como pré-candidato a deputado estadual, destacam-se os nomes do professor Marcos Dias (João Pessoa), Silvano Morais (Patos), Irmã Luiza (Santa Rita), professora Rejane (Campina Grande), Ciço Filho (João Pessoa), entre outros.

Ao acentuar o caráter de oposição do PSOL nas eleições 2014, Galdino afirmou que o povo não está preocupado com a polarização entre o governador Ricardo Coutinho e o senador Cássio Cunha Lima. Ele criticou o que denominou de “o nível de debate travado pelos dois líderes em torno dos prestadores de serviços do Estado”.

“Tanto Cássio quanto Ricardo Coutinho não tem interesse em profissionalizar a máquina pública e, assim, mantêm a política da pressão sobre os prestadores de serviços do Estado. Os dois gestores polemizam sobre aquilo que não se mostraram hábeis em resolver”, ironizou.

 

Ascom

Notícias relacionadas

Opinião: Lava Jato só serviu para pôr a extrema-direita no Poder e quebrar o Brasil

Para melhor avaliar o estrago que foi a Lava Jato, basta que se observe o que era o Brasil antes e depois de instituída esta Operação. Tanto do ponto de…

Marcelo Queiroga assina protocolo de intenções de R$ 11 milhões para alta complexidade na saúde de JP

O prefeito Cícero Lucena e o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, assinaram, na tarde desta sexta-feira (16), um protocolo de intenções entre a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) e…