Por pbagora.com.br

Diante da greve dos bancários, que começou nesta quinta-feira (19), o Procon Paraíba orienta o consumidor a ficar atento e tomar algumas precauções para não ter problemas durante ou após a paralisação. O secretário executivo do Procon Paraíba, Marcos Santos, alerta que o consumidor deve ter atenção no momento de pagar as contas e buscar meios alternativos que permitam a quitação de débitos.

 

Para não deixar as contas em atraso, o consumidor deve ir até uma Casa Lotérica ou procurar lojas de departamento que são autorizadas a aceitar contas de consumo, como água, energia e telefone, por exemplo. Há ainda a possibilidade de pagamento nos terminais de autoatendimento, através da leitura do código de barras, ou ainda o pagamento por transferência eletrônica realizada através da internet.

 

Antes de deixar de pagar uma conta por causa da greve, o consumidor deve buscar outros meios e também buscar alternativas junto às empresas. “Caso esgote as possibilidades disponíveis e, ainda assim, por causa da greve, fique impossibilitado de efetuar determinado pagamento e a empresa não ofereça outra alternativa, o consumidor não poderá ser penalizado com juros e multas”, alertou.

 

Marcos Santos destacou ainda que quem se sentir prejudicado poderá, a qualquer momento, buscar orientações e apoio no Procon-PB. “A greve é um direito legítimo dos servidores, mas isso não quer dizer que as instituições financeiras possam penalizar os consumidores. É dever das instituições oferecer alternativas. Por este motivo, nós e o Ministério Público já estamos atentos e convocaremos representantes dos bancos para uma reunião, na próxima terça-feira, onde deverão ser ajustados quais serão os procedimentos que serão tomados durante a paralisação dos bancários”, ressaltou.



 

Redação com Secom

Notícias relacionadas

Opinião: Lava Jato só serviu para pôr a extrema-direita no Poder e quebrar o Brasil

Para melhor avaliar o estrago que foi a Lava Jato, basta que se observe o que era o Brasil antes e depois de instituída esta Operação. Tanto do ponto de…

Mesmo sob novo comando, CMCG é criticada por ‘dormir nas suas atribuições’

A mudança de comando na presidência da Câmara Municipal de Campina Grande (CMCG) em nada alterou o andamento do trabalho legislativo. Pelo menos é essa a percepção do vereador Olímpio Oliveira…