Logo após o governador João Azevêdo emitir nota onde informou sobre a sua desfiliação do PSB, vários partidos caíram em campo buscando a filiação do chefe do Executivo estadual paraibano.

Os presidentes nacionais do Podemos e do Cidadania reforçaram o convite ao gestor.

A deputada federal e presidente nacional do Podemos, Renata Abreu declarou que vê em João afinidades com a sigla.

“João representaria demais. Vamos fazer reforço do convite, já me coloquei à disposição para ir à Paraíba e falar com ele”, disse.

Já Roberto Freire, presidente do Cidadania, considera uma honra ter Azevêdo em seus quadros e disse que só não procurou João antes para evitar constrangimentos.

“A gente sabe da responsabilidade do governador e isso é uma escolha que ele terá que fazer”, declarou.

Já o presidente nacional do Avante, deputado Luís Tibé informou que caberá ao Diretório Estadual discutir a possível filiação de João Azevêdo ao partido.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Presidente do PT/PB não vê novidade em citação nazista por secretário de Bolsonaro

Repercutindo a maior polêmica do dia, que culminou com a demissão do secretário especial de Cultura do governo Bolsonaro, Roberto Alvim, o presidente do PT da Paraíba, Jackson Macêdo declarou…

João exonera mulher de conselheiro citada em delação de Livânia

O Diário Oficial da Paraíba trouxe nesta sexta-feira, 17, a determinação do governador João Azevêdo sobre a exoneração da servidora Georgiana Maria Pinheiro Cruz, esposa do presidente do Tribunal de…