Depois do presidente do PT na Paraíba, Jackson Macedo, agora foi a vez da presidente do diretório municipal, Giucélia Figueiredo, defender o nome do ex governador Ricardo Coutinho (PSB), para disputar a Prefeitura de João Pessoa em 2020 pelas oposições.

Segundo ela, a primeira reunião da executiva municipal para discutir a sucessão municipal 2020 será no dia 2 de dezembro. No entanto, ela adiantou que o diálogo prioritário se dará com o ex-governador apesar de “nada estar definido”. A dirigente reforçou a política do partido contrária ao presidente Jair Bolsonaro (PSL).

“. Queremos implementar uma dinâmica em que os filiados e filiadas se coloquem como protagonistas e não vamos tomar nenhuma decisão que não seja fruto de debate. Mas, temos um compromisso com a construção da política anti-Bolsonaro com o companheiro Ricardo Coutinho. Temos o reconhecimento de tudo que ele construiu na defesa da democracia, do estado democrático de direito, frente à prisão injusta de Luiz Inácio Lula da Silva. Teremos um diálogo prioritário com Ricardo Coutinho, mas isso não retira nosso protagonismo no processo eleitoral. Prioritariamente, nosso diálogo será com o campo democrático e popular, com os partidos que estiveram conosco na resistência contra o Golpe a à prisão de Lula. Ricardo se coloca como grande liderança desse campo”, disse a dirigente.

Após endossar a tese da executiva estadual, Giucélia Figueiredo enfatizou que mais importante que discutir nomes é debater projeto de governo para o futuro da Capital.

PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Vené anuncia emenda de R$ 1,3 mi para compra de Tomógrafo em Picuí

Veneziano anuncia em Picuí emenda de R$ 1,3 milhão para aquisição de Tomógrafo e mais R$ 200 mil para o Hospital Regional O senador Veneziano Vital do Rêgo (PSB-PB) participou…

Análise: ALPB e servidores buscam o caminho democrático para a Previdência

As regras da civilidade e democracia foram postas à prova na manhã desta quinta-feira (12), na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB). E digo isso sem nenhum estorvo ou dano à…