Por pbagora.com.br

Por meio das suas redes sociais o presidente estadual do PT-PB Jackson Macedo voltou ontem (09), a usar uma matéria do portal, para expressar seu lamentos sobre o que estipulou “guerra de oligarquias”, que estaria ocorrendo dentro da base de sustentação do prefeito de Campina Grande Romero Rodrigues (PSD).

Ao comentar a matéria intitulada: “Nem Bruno nem Tovar: Enivaldo defende o neto, Lucas Ribeiro, para disputar PMCG”, no qual o atual vice-prefeito de Campina Grande, Enivaldo Ribeiro (PP), relata que o escolhido do grupo a sucessão municipal não deve ser nem Bruno Cunha Lima, do PSD, nem Tovar Correia Lima, do PSDB, mas sim seu neto, o vereador Lucas Ribeiro, do Progressistas, o petista disparou: “Essa é a conhecida guerra das oligarquias. É neto de um, primo de outro, sobrinho do outro”, disse Jackson.

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Opinião: ou Cícero e João põem ordem, ou fura-filas da vacinação se tornarão “pandemia” na Capital e na Paraíba

A situação é a seguinte: denúncias eclodem em João Pessoa e noutros municípios paraibanos que políticos, empresários, funcionários públicos e apaniguados estão furando a fila da vacinação contra a Covid-19,…

Manoel Jr é o primeiro prefeito da PB a anunciar calendário anual de pagamento dos servidores

O prefeito de Pedras de Fogo, Manoel Junior (Solidariedade), anunciou, nesta sexta-feira (22), durante solenidade na Secretaria de Educação, o calendário anual de pagamento dos servidores públicos municipais e do…