Por pbagora.com.br

A reunião entre a União das Nações Sul-Americanas (Unasul) e o presidente americano durante a Cúpula das Américas, na semana passada, foi oportunidade para que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva pedisse a Barack Obama que ajude os países da América Latina a crescer. “O que nós queremos é que os Estados Unidos participem para ajudar os países da América Latina a se desenvolver”, afirmou Lula durante o programa Café com Presidente, que foi ao ar na manhã de hoje (20).

Segundo Lula, a cúpula foi um importante momento para que os Estados Unidos vissem as mudanças na região e se aproximassem dos países. Com isso, segundo ele, Obama pode “conversar com as pessoas e perceber que a Guerra Fria acabou”.

O presidente também ressaltou que os países latino-americanos estão levando a democracia “às últimas conseqüências” e por isso, este é melhor momento para a participação norte-americana no desenvolvimento da região.

“E por que participar? Porque é a maior economia do mundo, porque tem muitos países do Caribe e da América Central que têm a sua economia praticamente voltada para os Estados Unidos, porque há mais de 40 milhões de hispânicos morando nos Estados Unidos, a maioria deles saída da América Latina, e, portanto, são pessoas que contribuem muito com o desenvolvimento desses países pequenos”, afirmou Lula.

Ele disse ainda que um sistema de parceria vai ser “bom para todo mundo”, mas é preciso saber esperar o processo de amadurecimento dessa nova relação.

Agência Brasil

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Manoel Jr assegura a reitor doação de terreno para construção do IFPB em Pedras de Fogo

O prefeito de Pedras de Fogo, Manoel Junior, se reuniu, nessa sexta-feira (15), com o reitor do Instituto Federal da Paraíba (IFPB), Nicácio Lopes, para debater os avanços e as…

Julian Lemos crítica Bolsonaro: “O homem que está no poder, não é o que elegemos”

O deputado federal Julian Lemos, do PSL, usou seu perfil numa rede social para para fazer um desabafo a respeito do presidente da República, Jair Bolsonaro. Na postagem, Julian critica…