O prefeito e o vice-prefeito da cidade de Santa Helena, localizada no Sertão paraibano, tiveram o mandato cassado por conta de decisão da Justiça Eleitoral da 37° Zona Eleitoral em São João do Rio do Peixe.

Emmanuel Messias, João Cleber e ainda o vereador Júlio Neto são acusados de compra de votos.

O juiz ainda determinou a realização de outras eleições na cidade.

Veja parte da decisão:

""

 

PB Agora

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Julian não assinou lista que alçava filho de Bolsonaro à liderança do PSL

Os áudios polêmicos do deputado federal Julian Lemos e de Jair Bolsonaro, amplamente divulgados na imprensa, além da informação de que o presidente teria uam ‘lista negra’ de traidores e…

Áudio revela articulação de Bolsonaro para tirar líder do PSL

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) foi gravado nesta quarta-feira à tarde pedindo o apoio de deputados da legenda para destituir o líder do partido na Câmara, Delegado Waldir, que acabou…