Por pbagora.com.br

O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB), já começou a planejar o encontro que terá com o presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL). O tucano já tem até alguns pedidos para fazer quando se encontrar com o Chefe do Poder Executivo.

“Primeiro vamos convidar o presidente para participar da entrega do residencial Aloísio Campos, depois vamos tratar com a questão da dívida do município com a União que é paga mensalmente, mas tentaremos uma solução. Um outro pedido será a viabilização de uma indústria de grande porte para Campina. Temos todas as condições de receber uma grande indústria”, destacou o prefeito durante entrevista a imprensa paraibana.

Romero pode ter chance de conseguir conquistar os pedidos pelo apoio dado a Jair Bolsonaro na Paraíba, durante as eleições de 2018, tendo seu irmão, Moacir Rodrigues conquistado, pelo PSL, um mandato de deputado estadual, mesmo partido do presidente.

O prefeito acompanhou, ontem, o início da pavimentação em asfalto da Avenida João Wallig, no Distrito Industrial.  A obra, segundo ele, é a primeira de uma série de outras programadas pela gestão para este mês de janeiro, dentro do Programa Cresce Campina 3. Valor do pacote é de R$ 30 milhões.

“De fato, aqui estamos desenvolvendo mais uma etapa do Cresce Campina, hoje começando pela João Wallig, no trecho entre as avenidas Assis Chateaubriand e Argemiro de Figueiredo, no Viaduto Pastor Pacheco”, informou o prefeito campinense. Acompanharam Romero o vice-prefeito Enivaldo Ribeiro, secretários, vereadores e deputados.

 

Redação

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

PSOL dá o tom da pré-candidatura à PMJP: “Contras as oligarquias”

“Optamos por lançar uma proposta mais pertinente para quem defende interesses reais da população, e não interesses das oligarquias”, a declaração é do pré-candidato a prefeito de João Pessoa pelo…