A Paraíba o tempo todo  |

Pré-candidato a senador pela Paraíba, Pr. Sérgio Queiroz recebe apoio do senador Eduardo Girão

O pré-candidato ao Senado pelo PRTB, Sérgio Queiroz, recebeu apoio do senador cearense Eduardo Girão (Podemos) para a sua caminhada rumo ao Senado da República, no pleito do dia 2 de outubro.

O senador Girão emitiu um comentário no seu perfil do Instagram, em resposta a uma seguidora paraibana, para falar da importância do Senado Federal receber o paraibano e amigo Sérgio Queiroz. “Eu conheço o Dr. Sérgio. Seria realmente uma benção que os nossos irmãos da Paraíba trouxessem para o Senado um homem de bem como ele. O País será outro. Peço a irmã que se esforce no limite de suas forças para que ele seja eleito”, declarou Girão, que surgiu no cenário eleitoral do Ceará como um ‘outsider’ da política, em 2018, com discurso que alavancou muita candidaturas vinculadas ao campo conservador no País.

Na mesma postagem, o pré-candidato ao Senado, Sérgio Queiroz, agradeceu às palavras elogiosas do senador cearense, que teve uma atuação de destaque no Senado em nível nacional durante a CPI da pandemia. “@eduardogiraooficial meu querido amigo, que honra ser mencionado por você! Você é uma grande referência para os novos políticos do Brasil!”, repostou Sérgio Queiroz.

Empresário do ramo da segurança e hotelaria, Eduardo Girão, que enxerga a política como uma missão, surpreendeu, em 2018, quando conseguiu vencer o então presidente do Senado Federal, Eunício Oliveira (MDB). Ele é identificado como “um senador da pauta bolsonarista” e vinculado a pautas conservadoras – como a defesa da família e contra o aborto, a liberação das drogas, a jogatina (“jogos de azar”), a ideologia de gênero nas escolas e tem posição favorável às candidaturas independentes, que são pautas defendidas também pelo pré-candidato ao Senado Sérgio Queiroz.

NOVIDADE NA POLÍTICA

Como novidade na política paraibana nas eleições deste ano, Sérgio Queiroz, que tem pós-doutorado em Direito, acumula experiência de 30 anos de dedicação ao serviço público federal, 22 deles como Procurador da Fazenda Nacional, outros 18 anos liderando projetos sociais como presidente da Fundação Cidade Viva, além da experiência de ter ocupado no governo Bolsonaro três pastas importantes: Direitos Humanos, Desenvolvimento Social e Modernização Social.

 

PB Agora

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe